terça-feira, 31 de outubro de 2017

Os monstrinhos do Recanto

Em tempos de haloween, no Recanto temos doces, travessuras e vários e curiosos monstrinhos, como o inofensivo bicho-pau da foto acima, que se parece demais com um pedacinho de graveto mesmo. Como se não bastasse a semelhança, ele costuma ficar imóvel no lugar, por horas!
Este é o Fred, um sapo que tem aparecido seguido, em volta da casa.
O mais curioso no Fred é que ele não tem medo da gente, nem dos cães. Passamos de um lado para
o outro, bem pertinho dele e ele não tá nem aí, continua cuidando da vidinha dele.
Estas pererequinhas tem aos montes por aqui! Aparecem em tudo que é lugar, box do banheiro, paredes, no tanque e dentro do meu regador de lata! Só faltou me xingar por eu estar usando o regador dela, quer dizer, o meu regador. E não saiu dali enquanto eu regava as plantas.
Aparece bicho estranho de tudo que é tipo, classe, gênero... uns pequenos, outros maiores. Uns simpáticos outros, nem tanto... Uns pelados e outros peludos.
Da turma dos peludos temos a caranguejeira, que adora sair para passear nos dias quentes.
A da foto acima, tirei de dentro de casa.
E esta estava do lado de dentro da janela da cozinha, mas vi a tempo de avisá-la que não tenho nada contra ela, desde que fique do lado de fora da casa. Pronto! Nada como um bom diálogo com o cabo de vassoura na mão, para convencê-la que a rua é o melhor lugar para ela. Tá, tudo bem! Pode ficar na parede! De fora!
Os piores e mais assustadores monstros a gente vê nos noticiários: os políticos! E estes, não tem alho ou cruz que dê um jeito! Cruz crédo! É mais fácil lidar com as caranguejeiras.

Um comentário:

  1. Tianinha, não sei não, sei que a situação tá feia um pouco por todo o mundo, mas olha que ainda acho que preferia ver um político em minha casa do que uma caranguejeira! A sério, estou arrepiada só de pensar. Enquanto estava a ler este post, toquei num berloquinho da minha camisola e ia morrendo de susto, vê lá o jeito em que só a foto da bicha me põe! Não é venenosa? Fui! ;)

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!