sábado, 6 de junho de 2015

Feriado em Torres

Leonardo saiu do plantão na quarta-feira e quinta-feira, feriado de Corpus Christi, combinamos um almoço com nossos pais e Leonardo, aproveitou para remar com os amigos de Torres pela manhã.
Tombinho e eu levamos Leonardo até a praia, onde se encontrou com o Rogério e Fernando. O dia estava muito lindo com uma temperatura super agradável! Antes de sair para buscar os sogros na praia de Rondinha, pertinho de Torres, tentei fotografá-los remando mas outra coisa roubou a minha atenção, deixando os remadores de lado.
Leonardo começou a gritar lá do fundão, fazendo sinal para que eu visse algo.
Se afastou dos surfistas e remadores e ficou depois da rebentação.
Daqui a pouco visualizei o que ele tentava mostrar: botos!
Pelo que vi, haviam bastante botos, mas é difícil acertar a direção da câmera com a posição deles, eles mergulham muito rápido. Mas só por estas fotos, já fiquei feliz! 
Fui pesquisar para satisfazer a minha curiosidade, e descobri que boto e golfinho são a mesma coisa, não existe diferença alguma, apenas, uma variedade regional, como chamar bergamota de mexerica, aipim de macaxeira, ou sinaleira de semáforo. Fonte: aqui.
Pena, que eu precisava sair para buscar os sogros senão, ficaria fotografando a manhã toda na beira da praia.
Pelo menos, acabei fazendo um passeio bacana com o meu pai, que resolveu me levar para buscar meus sogros e fez um caminho diferente, pela beira da praia até a praia Paraíso e depois, pela Inter-praias, até Rondinha. Adorei! Além de ser uma paisagem diferente da velha e asfaltada Estrada do Mar, colocamos a conversa quase em dia. 
Foi um feriado bem família e pra lá de agradável!

3 comentários:

  1. Que delícia, Tiane!
    Vc acredita que eu já os vi na baia da Guanabara? Pois é... há uns 40 anos atrás. Eu trabalhei uns meses em Niterói e fazia a travessia de barca todas as manhãs e, algumas vezes havia golfinhos por lá. Um privilégio!
    Um abraço! Boa semana!

    Egléa

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Tiane!
    Que privilégio fazer essas fotos!
    Sempre digo que estar em contato com tudo isso é mais que presente!!!! Se eu estive no lugar do Leonardo, pularia na água e depois daria um jeito de pegar o caiaque de volta rsrsrs.
    Foi realmente um feriado muito especial.

    Lambeijos na tropinha.
    Abraços esmagadores.

    ResponderExcluir
  3. Uau!!

    Que paraíso, Tiane...

    Eu já vi golfinhos bem de pertinho, na natureza.

    É tão maravilhoso...e eles são mesmo ligeirinhos....

    Ah, que azul divino!!

    beijinhos,

    Lígia e =^.^=

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!