domingo, 21 de agosto de 2016

Cães remadores?

 Existem pessoas que respeitam a natureza, mas que não são chegadas em cães ou gatos. Existem pessoas que amam a natureza e amam cães e gatos! E tem pessoas que amam natureza, amam cães e/ou gatos e remam!!
A grande maioria dos nossos amigos remadores, são pessoas que amam a natureza e remam, unindo duas paixões: a natureza e o esporte. Para a minha agradável surpresa, tenho descoberto amigos remadores que amam tanto seus cães, que querem a companhia deles até nas remadas!
Um deles é o nosso querido amigo Germano, que participou das minhas primeiras aventuras no remo. Com certeza, uma das coisas que solidificou a nossa amizade, foi o amor que sentimos por cães e gatos. Lembro muito bem do nosso primeiro encontro, quando nos conhecemos e ele ficou sabendo da quantidade de animais que eu tinha na época, todos resgatados das ruas. E nunca vou esquecer do nosso segundo encontro, quando fomos remar, de novo, e ele chegou com um saco de ração de presente!
E foram muitas remadas juntos! Numa delas, Germano levou a Filhinha, que é a dona do Germano. É isso mesmo! A Filhinha é que é a dona do Germano e não o contrário!
O Germano faz tudo o que a Filhinha quer e ela não deixa ninguém chegar perto dele! Amor possessivo esse! 
O Germano e sua esposa, a Marisa, moram em Canoas e ainda têm outros cinco cães e não sei quantos gatos, mas a Filhinha é a dona da casa e do coração do Germano!
Esta é a Kira, dos amigos Cristina e Márcio, casal que conheço há um bom tempo pela internet, mas só desvirtualizamos a amizade na Remada de Inverno, que aconteceu em junho.
Eles são de Pelotas e costumam levar a Kira para passear de caiaque de vez em quando. Eles têm outro cão, o Smithy, que tem mais idade e não é muito chegado em aventuras radicais.
Esta é a Maya andando de caiaque com o papai Dieismy. A Maya tem um irmão, o Raji, labrador preto como ela. Dieismy e Jully, a mãe da Maya, também estiveram na Remada de Inverno deste ano e são de Rio Grande. 
A Maya tem uma página no Face, criada pela avó coruja, pode isso? Pra conhecer a página da Maya é só clicar e acessar O diário de Maya.
E esta figurinha canina, tranquila em cima da prancha com seu pai Palito, é a Guria, a primeira cachorrinha recolhida pelo Palito, de Cachoeira do Sul.
Depois da Guria vieram outros amigos caninos e todos eles curtem uma remadinha com o Palito, que mora às margens do rio Jacuí e nas cheias do rio, ele sai remando com ração na prancha, para ajudar os cães que ficam ilhados nos sobrados e telhados das casas.
E este linguarudo da foto é o Trumbico, passeando de caiaque com o papis Leonardo e a mamis aqui!
Tombinho adora uma aventura, ainda mais, se estiver na companhia do pai!
A mãe, como toda a mãe, é super-protetora e fica preocupada que ele caia, que se machuque, que se afogue, que se assuste, e acaba brigando demais com ele para ficar sentado, mas ele quer ir para cima do caiaque. rararara 
Uma das coisas que me deixou muito feliz nesta última Remada de Inverno, foi tomar conhecimento de outros cães "remadores". Já sabia da Filhinha, do Germano, e dos cães do Palito, e fiquei sabendo da Maya, da Jú e do Dieismy, e da Kira, da Cristina e do Márcio. 
Pelo Face, acabei conhecendo outros cães e donos aventureiros pelo mundo. Não conheço nenhum pessoalmente, mas, quem sabe, um dia, estas amizades não saiam do mundo virtual e se tornem de carne e osso, como aconteceu com os outros?
Este é o cão Jack com seu dono Stefan Barbulesco, de Bucareste, Romênia.
Esta figura é o Willie.
Tem página no Face: Willie the famous kayaking dog
Peter Trant, de Cambridge, no Reino Unido.
Joe OBlenis de Ontario, USA
Chuck von Yamashita, do Alasca com sua Paris, adotada por ele e a esposa.
Paris também tem sua própria página no Face: Paris the Parson
Tenho certeza que existem muitos outros casos de companheirismo entre cães e homens inclusive, na prática de outras modalidades esportivas ou, com outras espécies animais.  
Gosto de ver e compartilhar estes casos, pois ilustra bem toda a amizade e respeito dos homens por seus amigos peludos, e toda a confiança que os peludos têm na gente! É muito amor!

Um comentário:

  1. O nosso Golden também é remador!!! Ele já andou de caiaque com a gente na Lagoa da Mangueira, no extremo sul do RS. :)

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!