terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Chuva de verão - 11/01/2011

O dia de hoje começou fresquinho e parcialmente nublado, até que bem agradável, nada comparado ao mormaço dos últimos dias. Pela manhã a mãe perguntou comigo se choveria hoje e eu respondi, com segurança, que "nããão!!!".
Realmente, não pensei que fosse chover hoje, muito menos que seria tanta água, mas foi muuuita água!
Saí de casa pelas 14h30, sem chuva. O céu estava escuro de um lado mas azul de outro, achei que era apenas uma nuvem. Sim, era uma nuvem, uma nuvem enorme que tomou conta da cidade e provocou congestionamentos e cenas incríveis como as que consegui registrar, infelizmente, não consegui registrar tão bem, mas dá pra ter uma ideia da quantidade de água que inundou alguns pontos de Porto Alegre.
O arroio Dilúvio (foto acima e abaixo) subiu muito rápido e nas esquinas da Av. Ipiranga com a Lucas de Oliveira chegava a formar ondas. Mas desta vez não vi ninguém se aventurando a surfá-las.

A força da água no arroio Dilúvio.

Ruas viraram cachoeiras.
Depois da chuvarada, céu azul.
Eu tive que sair de tarde para levar o Tombinho para seu novo lar. A chuva caía fora e dentro do carro, pois foi muito difícil doá-lo. Mas tem que ser, né? Seja feliz com sua nova família, Tombinho!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!