quinta-feira, 12 de abril de 2012

Semana da Páscoa

A semana da Páscoa foi de expectativa por aqui, pois a turma dos manézinhos da família chegaria na quinta-feira para passar a Páscoa em Porto Alegre. A turma dos manézinhos é a família da minha irmã, que está morando em Florianópolis. Eles chegaram na quinta, bem na hora do almoço que foi carinhosamente preprado por mim (fiz a couve refogada), por Leonardo (fez o feijão) e pela minha mãe, que fez todo o resto. Depois do almoço, como era um dia útil, cada um foi cuidar dos seus compromissos e nos reunimos de novo na janta de quinta e no almoço da Sexta-feira Santa, dia de comer peixe (não sei por quê, coitado do peixe!) e de fazer jejum. Como eu não como carne, fiquei com a parte do jejum e com um porre de Grapette. :-D
Este é o trio de Florianópolis: minha irmã, no meio, com meus pestinhas favoritos, um de cada lado.
Família reunida para o almoço. Falta meu irmão e cunhada, e o Leonardo que está registrando o momento.
Depois do almoço chegaram meu irmão e minha cunhada distribuindo chocolate para todos.
Entre um mate e outro, conversa vai, conversa vem, todos sentadinhos e comportados, Marco e Marina concentrados no joguinho do celular (ô vício!), até que a Marina resolveu abrir o ovo que ganhou do tio Maninho. Péssima ideia! O Marco também começou a abrir o dele e a bagunça começou.
Agora sim, essa é a minha família. Tio Maninho e vovó tentando quebrar os ovos das crianças. Que maravilha!
A luta foi longa.
Não dava para entender quem segurava quem.
Mas os pestinhas conseguiram salvar seus ovinhos.
E começaram a sentir o verdadeiro gosto da Páscoa.
Marina, a louca por Ferrero Rocher.

Até a Serena, minha irmã mais nova, participou da festa, apesar dos olhares de reprovaçãoda minha cunhada, que tem medo dela. Não sei por quê ter medo de uma cadela de 64 kg que pensa que é um poodle de 5 kg. Ela só quer um colinho...olha que gracinha ela no colo do Leonardo!
Mais um trio arrepio: eu, a sobrinha e a mana. Nota-se que a sobrinha de 14 anos, está beeem maior que nós duas.
No sábado preparei uns bolinhos para o café da manhã do domingo de Páscoa. Olha como ficaram meus muffins...pareciam uns bolachões. Como no ano passado e em outros anos, comemoramos a Páscoa no café da manhã para que os manézinhos possam seguir viagem de volta para a Ilha da Magia e eu e Leonardo seguimos para Nova Petrópolis para almoçar com os pais dele. Antes do café teve a caça aos ovinhos. na verdade, não teve nenhum ovo, nem cesta, mas escondemos os chocolates devidamente embrulhados para que os dois tancinhos nos proporcionassem momentos hilários. Como no ano passado, demoraram um monte para encontrar alguma coisa. Até a Jackie, a cachorrinha branca da foto, sabia onde estavam escondidos os presentes.

Isso que o jardim da vovó é bem pequeno, quero ver quando a Páscoa foe em Maquiné. Vou esconder ovo do outro lado do rio. rererere
Finalmente, o café da manhã! Preparei um bolo diet para o pai, um bolo comum, os falsos muffins e um rocambole de doce de leite, que foi devorado sem dó, nem piedade.
Depois do café, Marco e Marina foram abrir os pacotes. Já em Nova Petrópolis, fomos esperados com churrasco, que dispensei, e por uma lasanha de brócolis, feita especialmente para mim! Que espetáculo! Mas não precisava... Chegamos um pouco tarde lá, pois acabamos demorando para sair de Porto Alegre. A sogra caprichou nos enfeites! Todas as fotinhos de enfeites de Páscoa desta postagem são da casa dela.
Depois do almoço e dos chocolates de sobremesa, Leonardo foi trabalhar no seu caiaque e eu no meu patchwork, enquanto Trumbico pedia incansavelmente, que jogássemos a bolinha para ele ir buscar.
O homem-caiaque
Costurando...
Bordando e mateando.
Leonardo, Tombinho e eu passamos a noite em Nova Petrópolis. na segunda-feira passamos o dia fazendo a mesma coisa que fizemos no domingo: Leonardo costurndo seu caiaque e eu bordando o meu Patch. Numa das pausas que fiz, fotografei o pé de caqui e de romã do jardim da sogra. Também achei um bicho-pau, ou sei lá como se chama ele.
Romã.
Bicho-pau.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!