segunda-feira, 8 de abril de 2013

O primeiro dia de 2013

 Há alguns anos já, que não consigo curtir um "réveillon". No ano passado ( 2011/2012), Leonardo e eu passamos a virada do ano nos canis, tentando acalmar a cachorrada por causa do foguetório. Este ano foi bem mais tranquilo, mas para garantir, lá por 23h30, nós dois saímos para a rua e ficamos plantados na calçada, eu de mangueira em punho, para evitar que a gurizada soltasse foguetes bem na frente da nossa casa, como costumavam fazer todos os Natais e viradas de ano anteriores.
Veio a meia-noite, colocamos duas cadeiras na calçada e ali ficamos até umas 2h30 da manhã, quando quem veio foi a chuva. Só então entramos para a casa e cumprimentamos meu pai e minha mãe, que também passam a virada acalmando os cães deles.
Nem brindamos, estávamos todos cansados e fomos dormir com a chuvinha caindo lá fora e assegurando que ninguém mais soltaria foguetes.
A chuva continuou durante boa parte da manhã, ora fraquinha, ora menos fraquinha.
No começo da tarde ameaçou sair um sol e Leonardo, que já estava se coçando há um bom tempo, pegou o Black Jack e se foi remar.
 Tombinho e eu fomos levá-lo até o Gasômetro. Chegou a cair mais um chuvisqueirinho, bem fraquinho, enquanto estávamos lá.
 Leonardo se aprontou rapidamente e logo, logo estava remando sob o olhar atento de Tombinho.

Infelizmente, as águas do rio Guaíba estão poluídas e as praias do Guaíba sempre foram um depósito de lixo, principalmente depois de um 31 de dezembro, quando a quantidade de flores, velas e garrafas mostram a falta de educação da sociedade. 
E lá se foi o Leonardo!
Contornando Porto Alegre até a praia de Ipanema, onde Tombinho e eu, depois de irmos para casa alimentar a bicharada, fomos  buscar Leonardo e Black Jack.

Alegria do Tombinho ao ver o pai na de volta na praia.
Leonardo e seu Black Jack.
Enquanto estávamos na praia, uma pessoa jogou um pedaço de galho na água para seu cão buscar e não é que o bichinho foi? E foi longe! Achou o toco e veio, nadando, todo faceiro!
Olha a alegria do bichinho!
Tombinho acompanhando o movimento do calçadão de Ipanema.

2 comentários:

  1. Menina, já dei uma passeada e amei essa vibe caiaque (é caiaque né ??? rsrs)

    que lindo, e que medo também, mas é de tirar o fôlego !!!

    Owhhhhhhh, cada animal tem seu charme, mas Tombinho é fofo demais né minha gente ?? rsrs
    Garrei amor !!!

    Se vou voltar ?? Lógico adorei esse cantinho do paraíso, srrsr

    bjus 1000 querida

    ResponderExcluir
  2. Oi linda, só agora consegui chegar mas amei seu post! Que peniha do tombinho vendo papai partir, esse olhar de proteção queria dizer que estava com medo dele não voltar e quando chegou sua alegria me fez sorrir aqui hehe! Amiga, passei para te dar o meu abraço e te
    desejar um linda semana. Beijos...

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!