terça-feira, 28 de julho de 2015

"Te cuida na cidade grande!"

Foi a recomendação que Leonardo me passou antes de eu ir à Osório.
Na saída, registro de uma teia na varanda da casa.

  Não pude deixar de rir, pois nasci e cresci na cidade grande, na capital! Há dez meses que estamos morando no mato e ele chamando Osório de "cidade grande". Comparada a nossa micro cidade Maquiné, Osório é cidade grande sim! E pra quem tá enfiada no mato, quase sem sair, qualquer cidade maior que Maquiné (o que não é difícil encontrar), é cidade grande!
 Então lá fui eu para a cidade grande e não resisti a fazer uma parada para registrar a forte cerração que rondava o Recanto.
 Muitas teias nos arames da cerca do vizinho. Adoro as teias!
 Também adoro as vaquinhas! Estas, estavam reunidas para o café da manhã. 
Mais adiante, na mesma estradinha de acesso ao Recanto, o sol brilhava enquanto a cerração cercava o morro lá longe.
Fui à Osório e voltei, sã e salva, e mais pobre, já que fui pagar conta.

Um comentário:

  1. Eheh, pagar contas nunca é bom! Mas essas fotos são lindas. Adoro esse clima e adoro as teias também. E vocês chamam o nevoeiro de cerração? Que engraçado... Beijo.

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!