terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Um dia de muito trabalho e mudanças no Recanto - 18/11/2012

Trieste e Maria Helena analisando o "sofazão".

Depois da caiacadinha em Tramandaí, no sábado, Leonardo e eu voltamos para o Recanto onde a cachorrada nos esperava, e no domingo, recebemos a visita dos amigos Maria Helena e Trieste, que remaram conosco, passaram a noite em uma praia do litoral, e vieram tomar café conosco. 
Aproveitamos a visita deles para tirar de cima do reboque, o sofá que "herdei" da minha irmã. O "sofazão" como chamo, é muito pesado e eu não consegui ajudar o Leonardo a tirá-lo de dentro do reboque, quanto mais levá-lo para dentro da casinha.
Por incrível que pareça, esta tarefa não foi tão difícil para Leonardo e Trieste. O mais difícil foi passar o dito pela porta. Leonardo teve que tirar um pedaço da porta para que ele passasse, ainda assim, justinho!
Sofá maior que a porta.
Força! Vai passar!!!

É muito sofá para pouca casa!!
Sofá no seu devido lugar, Maria Helena e Trieste se despediram e voltaram para Porto Alegre. A ideia inicial era remar em Torres, dando a volta na Ilha dos Lobos, mas o tempo não estava adequado para isso então, resolveram voltar mais cedo para casa. na verdade, de manhã cedo já se sabia que o tempo não estava bom, mas eles vieram para nos ajudar na função do sofá, pois sabiam da minha expectativa em ver o sofazão na sala da casinha. Agora, falta o janelão ao lado do sofazão. Fico me imaginando tomando chima, sentada no sofá e admirando a bela paisagem pela janela. Esse dia ainda vai chegar!!
Maria Helena, Trieste e seu caiaque duplo saindo do Recanto.
Trieste não havia descido o carro com receio que ele não subisse de volta então, Leonardo, eu e a cachorrada subimos junto para nos despedir e depois, colocamos as mãos na massa! Não antes de fotografar o lindo cacho de banana que tinha no caminho.
Leonardo incorporou o marceneiro que tem dentro dele e tratou de começar a estante para a sala, sob a supervisão do fiel tapete Pinheirinho.
Prega, daqui. Cola dali. Lixa, lixa, lixa!
Mede!
Fura parede recém pintada!
Por falar em recém pintada, enquanto o marceneiro trabalhava na nova estante, a pintora incorporou o Picasso e tratou de continuar a pintura nas paredes. Desta vez, sobrou até para a porta do banheiro.
Porta do banheiro e corredor ficando com caras novas!
Há tempos que eu queria pintar esta parede de azul.
Parte do projeto pronto, já temos escrivaninha, falta a estante!
Marceneiro num ataque de fúria...
A minha parede azul crescendo e no fundo dá para ver o banheiro, que também está com seus dias contados para receber uma nova maquiagem.
Será que eu gosto de azul e branco???
Eu, muito concentrada, incorporando o Salvador Dali que tem dentro de mim!
Depois de um dia de muito trabalho, uma pausa para o lazer!
Leonardo foi relaxar um pouco, remando com o caiaque-xodó, que ele mesmo construiu, o Black Jack.
Para a minha surpresa, Tombinho foi para cima do caiaque achando que ia passear junto.
Ele sempre acompanhou uma saída para remada do Leonardo, indo até a beira do rio e só olhando o Leonardo sair, mas nunca reagiu desta forma. Só porque passeou uma vez, se achou no direito de ir sempre.Eu chamava ele para vir comigo e nécas! Ele subiu no caiaque, eu chamei, ele sentou, eu chamei, ele deitou, como quem diz "não vou contigo, mãe! Vou passear com o pai!"
Tombinho achando que ia passear junto.


Tive que molhar meus pés e buscá-lo para que Leonardo pudesse sair.

Leonardo foi!
E Trumbico ficou!
De noite, enquanto Leonardo testava seu novo brinquedinho, um pirógrafo, eu preparei uns pãezinhos de queijo para a janta.
Viram que linda?
Não estou falando da escrivaninha, nem da gaveta que o Leonardo instalou nela. Estou falando da minha obra de arte, a parede pintada de azul! Arrá! Não ficou linda? Acharam que eu não tinha feito nada, né?

Pão de queijo quentinho, café/janta prontos! Com chocotone que o tio Sérginho deu, para fechar com chave de ouro um dia de muito trabalho no Recanto.
Boa noite!

Um comentário:

  1. Tiane, quanta trabalheira. Mas se eu tivesse um recanto assim, faria como você, passaria os dias pintando e arrumando. Está ficando uma graça, até sofazão novo tem. Amei as poltroninhas onde os pets estavam deitados, maravilhosas elas, ficariam lindas uma de cada cor (ó eu dando pitacos, tô mais metida que o Tombinho).
    Saudades de vir aqui e ficar viajando nas suas histórias e imagens.
    E o Leonardo está profissional na marcenaria, imagine só, até um caiaque ele fez. Está no sangue. Uma cabana e dois artistas. Daria um ótimo filme. Adoro filmes assim, do cotidiano. Dias atrás fui ver "As aventuras de Pi". Amei amei amei! Delícia de filme. Vai ver,acho que vai gostar. O legal é depois do filme, a gente pode tirar várias conclusões das versões da história.
    Ffaa, chega de te incomodar. Me empolgo aqui.
    Abraços a todos, com muito carinho, e que 2013 seja um ano de muita prosperidade, muito prazer em mudar o que podemos e aceitar o que não se pode mudar.
    *Tapinha na bundinho do Tombinho fofo.

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!