quinta-feira, 16 de junho de 2016

Coisas para fazer num dia frio

 Aqui no sul costumamos lagartear comendo bergamotas. Sol e bergamotas têm tudo a ver!
 Temos bergas no Recanto, mas estamos "in love" com as laranjas do céu do Germano!
 Que foi? Já sei, estão olhando meus cabelos descabelados e brancos, né?!
Ha! Ha! Ha! Ha! Este cartoon foi feito pra mim!!
 Voltando às laranjas... estão deliciosas! Super docinhas! Excelentes para serem devoradas num dia com sol, ou sem sol, como foi o caso deste dia em que Leonardo tirou estas fotos. Eu levei a máquina na beira do rio para fotografar os patos, que adoram ficar no trapiche, mas Leonardo quis fotografar mais.
Quanta concentração para descascar uma pobre laranja!!! :)

4 comentários:

  1. Tiane tu não existe, morri de rir, que delícia largatear no sol e com laranjas do quintal, tudo de bom.....gostei dos seus cabelos ao natural! bjsss

    ResponderExcluir
  2. rsrs adoro posts assim... com jeitão de vida e cheios das lindas simplicidades que muitas vezes deixamos escapar.
    Eu já poupo a parte do descascar, cortando em 4 e comendo a parte interna rs. Ô delícia! Deu água na boca. Não disse que essa mesa vai ter estórias a rodo pra contar? Daqui a pouco vc cria um marcador "A Mesa do Leonardo" rsrs.
    Então, aqui em Sampa sempre tivemos invernos frios, mas com a bagunça climática, alguns anos não tivemos o frio que veio agora. Segundo os meteorologistas não fazia frio assim aqui há 20 anos (o que acho estranho, pois tem 19 que moro lá e teve um ano que o quintal tinha muito mais gelo que nessa semana, mas não estava frio como estava esta semana). Desde ontem as temperaturas têm subido, então acho que teremos um inverno meia-boca como já aconteceu antes. Lá onde moro já foi mais frio, mas com todo o desmatamento e construções, perdemos muito. Eu moro bem na "caverna", fiquei num vale e nos morros em volta, cheio de árvores agora há muitas casas, então acho que lá embaixo se concentra o gelo rsrs.
    Que legal as inscrições né? Cada ano vai sendo divulgado e aumentará. Terão muito trabalho, com certeza, eu adoraria participar se soubesse remar profissionalmente rs, mas só brinco. Aliás, estou com muita saudade de me enfiar em rios, mares e piscinas... Quanto ao Projeto, não se preocupe. Este mês também foi uma correria pra mim com um trabalho grande que peguei e hoje de manhã me vi pensando "ferrou! Não vai dar tempo do Projeto..." rsrs.
    Quanto à Caixinha, é cartonagem sim. É a única peça que faço em cartonagem e uma das mais vendidas da Lojinha. Acredita que quando fiz o curso para aprender a fazê-la fui no maior "vê o que vai dar"? Era pra ter aula de outra coisa, aí a profa mudou pra essa e eu fiquei até decepcionada pq queria fazer a outra coisa que tinha pedido, mas... No final, além de gostar, se tornou a Poção mais pedida... rs. Vai entender né?
    Sobre o lance da fé, eu te entendo. Sempre tive comigo desde criança que não me batizaria pra religião nenhuma, só pra Cristo. Mas sempre curti demais a Bíblia e tudo que há nela, pra mim é algo natural, que faz sentido completamente, então gosto de aprender. Sou evangélica, frequento a igreja sempre, mas meu lance é direto com o Criador, então quando vejo livros bons, que edificam e ensinam, estou dentro. Se tiver a oportunidade de ler este, leia. São capítulos curtinhos e cheios de ensinamento, dá pra ler antes de dormir, um por dia (foi o que fiz).
    Quer dizer, depois de ler o livro que deixei aqui, aí vc lê esse rsrs.
    Abraços esmagadores, lambeijos pra toda tropinha e suas palavras são minhas orações diárias "que Deus cuide de todos os peludinhos que não podem ter um lar".
    Bom trabalho por aí e dias felizes!!!

    ResponderExcluir
  3. Ahhh... esqueci do lance do cabelo. Gosto dessa tirinha porque também me vejo nela rsrs.
    O "fritizzzzzzz" como chamo no meu, nunca acaba rsrs.

    ResponderExcluir
  4. Amei a tirinha, foi feita pra nós, meu cabelo é de opinião, rsrs. Que delicia, morar num lugar assim, liberdade e muita natureza.
    Bjus. Rose.

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!