sexta-feira, 10 de junho de 2016

Pinguim de outono

Foi no comecinho de maio, no mesmo dia das fotos da última postagem, na praia de Rondinha. Não ficamos mais de duas horas em Rondinha, fomos ver o mar e demos de cara com um pinguim descansando na areia.
Ele caminhou, mas parecia bem cansado. Liguei para o Batalhão Ambiental de Torres e eles disseram que eles param na praia para descansar. Isso eu já sabia, mas ele estava tão vulnerável ali! Que bom se pudessem vir até ele e conferir se realmente, estava só descansando, mas não. 
Eu estava com o Tombinho e não quis ficar perto para estressar mais o bichinho. Acabei saindo logo da praia, Leonardo foi quem fez estas imagens dele.
 Logo que chegamos na praia, estávamos acompanhados do Tombinho, na guia, e de um cão de rua, que é cuidado por uma casa pertinho da praia, já conhecemos ele de outros verões, e ele costuma caminhar junto. O problema foi, que ele quis ir para cima do pinguim, tivemos que brigar e correr com ele. Por sorte, ele é obediente e foi embora,  deixando o pinguim sossegado.
É lindo ver um animal que não faz parte do nosso ambiente, mas seria muito melhor, se tivéssemos a certeza e a segurança, de que eles estão, realmente, seguros ali, que realmente podem descansar para prosseguir viagem.
Boa sorte querido e valente viajante!

6 comentários:

  1. Nossa que coisinha mais fofa, nunca vi um ao vivo e a cores.
    Espero que ele tenha seguido a viagem são e salvo, as vezes as pessoas ficam tão empolgadas que perem pegar, passar a mão, coitadinhos.

    Bj

    ResponderExcluir
  2. Tiane querida, moramos nos estremos do pais, você aí no RS e eu aqui em Itacaré Ba.
    Frio e calor, rsrs. Este pais de tamanho continental é assim, né?
    Amei conhecer você.
    Um fim de semana abençoado.
    Bjus. Rose.

    ResponderExcluir
  3. Que lindinho.
    Imagino o seu desassossego em relação à segurança dele.Eu também ficaria angustiada.
    Um abraço!
    Egléa

    ResponderExcluir
  4. Tiane, tá feia a minha situação com a Internet. Em 10 dias esgota a franquia e só vendo e-mails e com navegação básica (vídeos? Nem pensar!). Só acesso Facebook porque, supostamente, é gratuito. Vou ter que me incomodar e colocar na justiça, Procon etc. Neste país, temos a ilusão de que algo vai andar só assim. No mais, passei, na teórica do concurso, e esta semana vou saber a data da prática. Trabalhar aí pertinho está virando, cada vez mais, realidade. Tadinho do Pinguim....

    ResponderExcluir
  5. oi Tiane! viajei um ano para Santa Catarina e encontramos um desses na praia, as crianças nadaram e conseguiram pegar o coitado do pinguim que ja devia estar cansado... não aguentou e morreu, que judiação...
    O pessoal da praia tirou foto com o pinguim morto em baixo do braço acredita?
    Eles são lindos!
    Beijo da Pri

    ResponderExcluir
  6. Imagino seu sentimento, pois ao mesmo tempo que fico feliz e grata por vê-los, fico preocupada por saber que estão correndo o risco, afinal o ser humano não tem noção de muitas coisa.
    Nem fale nesses órgãos "responsáveis" que ligamos. Uma vez liguei lá da Caverna Real para denunciar o corte de vários eucaliptos (a motosserra tava a todo vapor) e tanto a polícia quanto a guarda florestal disseram que era com outro. Aí eu disse pro atendente "engraçado... a polícia fala que é com vocês, vocês dizem que é com eles e ninguém faz nada. Aí quando as coisas acontecem, vocês não estavam sabendo...".
    Sinceramente, acho que tanto a educação dos pais quanto a educação escolar deixam a desejar na questão respeito à natureza e aos animais.
    Espero que esse serzinho tenha se recuperado e seguido viagem em paz.
    As fotos ficaram lindas, adorei os olhinhos dele.
    Abraços esmagadores e feliz dia.

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!