terça-feira, 6 de maio de 2014

Caminhada de Outono - 24/04/2010

Da série, "postagens prá lá de atrasadas"...
Em abril de 2010, Leonardo e eu participamos desta caminhada que foi organizada por uma loja de artigos esportivos de Caxias do Sul. Eu baixei as fotos em 2010 mesmo, mas demorei para fazer o texto. No ano passado resgatei a postagem do rascunho e acabei perdendo as fotos, não me pergunte como. De teimosa comecei tudo de novo, baixei todas as fotos de novo, que ficaram mais alguns meses no rascunho do blog e agora, finalmente estou concluindo. Como esta, tem algumas outras postagens esquecidas no rascunho que tentarei resgatar aos poucos. São postagens de remadas e do Recanto, entre outras. Mas vamos a caminhada.
O ponto de encontro para a caminhada foi na loja, em Caxias do Sul. Deixamos os carros lá e seguimos de ônibus para o interior de Caxias do Sul,ou será que era o interior de São Francisco de Paula? 
Não vou entrar muito em detalhes até porque não lembro bem dos detalhes, mas as paisagens pelas quais passamos ao longo do dia, falam por si só.  Também não lembro qual a distância percorrida no dia, mas algo me diz que foram 14 km. Se não for isso, o Leonardo vai corrigir quando ler a postagem e depois corrijo aqui. Agora ele está trabalhando, não posso ligar para ele para perguntar isso.
Leonardo, bem no começo da caminhada.
Lindas estradinhas, ora com pedras, ora com muito barro, mas sempre belas!


Lá vem o meu aventureiro favorito, meu ciclista sem limites, meu exímio remador, meu companheiro de poucas e boas!
O aventureiro tirou o casaco. Sobe, sobe, sobe...
Paradinha para descansar.
Desce, desce, desce...
 Pausa para fotografar.


Ops!

Taipas a perder de vista!
Participantes da caminhada espalhados ao longo do caminho.
Pausa para o almoço/lanche.
Conseguimos uma mesa com esta bela vista panorâmica! Lá embaixo, alguns participantes ainda chegando para o almoço.
Da para perceber que tinha vento, né?
Mata de araucária, ameaçadas pela arrogância humana.
Nossa mesa...
Barriga cheia, de volta ao batente!


Muitos obstáculos pelo caminho.



Aqui foi feita uma parada para juntar a tropa que estava muito dispersa.
Este é o meu fotógrafo favorito.

Passamos por dentro de uma fazenda.
Não, não passamos dentro do chiqueiro,apenas fotografei porque amo porquinhos.
Cães da fazenda ganhando uma coceirinha na barriga.
E no focinho também.
Os cuscos eram os mais simpáticos. Os raçudos não se misturavam.
Olhinho fechado de puro prazer que este carinho está proporcionando.
Deixando a fazenda para trás.
E coxilhas a perder de vista pela frente.

Formiguinhas.
Aí está o grande vilão dos Campos de Cima da Serra, os pinus estão tomando o lugar da mata nativa e das matas de araucárias.



Estamos chegando na única parte que não gostei.
Molhar os pés!
Aqui não teve escapatória, todos tiveram que tirar os tênis e passar pelo riozinho de águas geladas.
Eu sou muito friorenta e meus pés são meu ponto fraco.


Lá embaixo, nosso porto de chegada.
Esta foi a última coxilha que subimos e descemos. Para encerrar com chave de ouro foi uma baita subida e descida idem.
Até o avião ficou mais perto da gente. (Exagerando!)

A chegada foi numa fazenda que esperava o pessoal da caminhada com fogo de chão, pinhão quentinho e um belo café campeiro.



Mais cachorrada!
Adorei a coleção de velharia no galpão.
O café foi em outro galpão ainda, mas não consegui tirar fotos lá. O Leonardo tirou mas não consegui copiar as fotos do Leonardo. Mas o registro da caminhada está feito. Podre de atrasado, mas feito!

5 comentários:

  1. Que aventura fantástica! E que cenário?! Vocês que sabem viver a vida ;)
    As suas fotos são lindas, pois vêem todos os detalhes!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi amiga!! Quanta loucura... Estou fascinada com tanta beleza, quantos lugares lindos, é de limpar a lama não é?
    O galpão é demais!!
    Casal adorável, gostaria de estar mais pertinho...
    Beijocas pra vcs linda flor

    ResponderExcluir
  3. Essas suas aventuras me deixam animada, pensar que não consigo mais fazer nem caminhadas por causa da minha artróse nos pés....me enkantei com cada foto...delícia, a última foto adorei.
    eu também não ia gostar de molhar os pés...kkkkkk

    bom dia bjsssssssss

    ResponderExcluir
  4. Oi Tiane,
    que aventura deliciosa! amo essas caminhadas e que lugares lindos, fiquei encantada com a mata de araucária, uma riqueza da natureza, lindo, lindo...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oi Tiane! Caminhada maravilhosa. Mas parei na coleção de antiguidades. Show pra meus olhos. As fotos de vocês continuam fantásticas e o Tombinho arrasando de modelo.
    Beijos

    ResponderExcluir

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!