sábado, 31 de agosto de 2013

O Recanto em junho - parte 2 - Apresentando uma remada para o Tiago

Hoje acordamos cedo pois marcamos uma remadinha com o Tiago. Leonardo saiu da cama e foi para a mesa do café mas ainda estava dormindo e a bicharada se aproveitou para tomar conta.
E aqui tudo acaba em festa!
Ou em remada!
Leonardo saiu com o Black Jack, Tiago remou com o Quindim Precioso e Tombinho e eu com o Tubarão Clandestino. Entramos nos caiaques e no rio e para a minha surpresa, a Pretinha  ficou desesperada ao nos ver entrar na água e depois de tentar nadar atrás da gente um pouco, passou a nos seguir pela margem do rio, desesperada, chorando e ameaçando entrar na água o tempo todo. Tombinho ficou um pouco mais agitado por causa da Pretinha e eu com medo que acontecesse algo a ela. Não consegui fazer uma foto sequer, pois não estou acostumada a remar com o Tombinho no Tubarão Clandestino, que é mais estreito e instável, e mais a agitação da Pretinha e do Tombinho, impossível curtir o passeio.
Quando chegamos no encontro do braço morto com o rio Maquiné, a louca da cachorra entra no rio e nada até o meio, parando em uns galhos que estavam para fora da água. Naquele momento decidi voltar, pois o passeio estava um pouco estressante para mim, vendo o desespero da Pretinha atrás de nós. 
Avisei os guris que ia voltar e a Pretinha veio atrás. Com certeza, o desespero dela foi porquê Tombinho estava junto.
Em casa comecei a fazer o almoço.
E depois fui esperá-los na beira do rio.
Pretinha observando a chegada dos remadores.

Pretinha é apaixonada pelo Leonardo!

Não sei quem estava mais feliz: a Pretinha em ver o Leonardo, ou o Tiago em sua primeira remada.

Madruguinha só queria saber de tomar sol e correr na grama.
Enfim, o almoço!
E depois do almoço, a colheita!
Leonardo e Tiago foram colher bergamotas para comermos no sol e laranjas para levarmos para casa.
Lá no fundo, a casinha!
As gatinhas participaram da colheita.

Tiago impressionado com o tamanhico do Madruguinha.
Tiago quis fotografar a família mas não conseguimos reunir toda.
E Madruguinha continuava firme nas suas explorações. Amo esse bigodinho branco!
Estes desenhos na tábua não se trata de uma descoberta arqueológica, escritos de algum povo pré-histórico que habitou o Recanto há bilhões de anos atrás. Isto é a planta do Barraquinho que Tiago e Leonardo fizeram. Pode não ser moderno mas que é ecológico, isso é!
Depois do almoço, do chima, da colheita e das fotos, o trabalho continuou.

Era para ser uma peça simples, um barraco com madeiras velhas  mas Leonardo e Tiago se empolgaram, estão usando as madeiras da chácara do sogro e não será um barraco tão simples.
Silene Seagal  foi levar lanche para a peonada.
E Madruguinha resolveu ir para a cama, cansado de tanto explorar novos territórios.




Cada etapa fica registrada.
Além de novos territórios, Madruguinha conquistou também as gatinhas Silene Seagal e Babette.

Mais um pôr-do-sol no Recanto.
Mais um dia que se foi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderei aos comentários aqui mesmo ou se preferir, deixe seu e-mail para que eu possa entrar em contato. Obrigada pela visita e pelo comentário!